A cerveja Avós, marca de DNA caseiro que nasceu como fruto da celebração aos vínculos familiares que seu criador Junior Bottura, teve a sorte de cultivar com suas avós e bisavós, brinda mais uma conquista. Três das cervejas de linha da Avós, foram premiadas no South Beer Cup 2017, Argentina.  O concurso que é uma espécie de copa libertadores da cerveja artesanal, uma das premiações mais importantes do mundo, anunciou na noite de 27 de maio, em Mar Del Plata, Argentina, as devidas vencedoras em suas respectivas categorias. A cerveja Avós voltou com bagagem recheada: medalha de bronze para Vó Maria e o Lado Zen, a Hoppy Lager, bronze para sua Vó Maria In Concert, uma aromática India Pale Lager. Já a Vó Maria, Baixinha Porreta, uma India Pale Ale de respeito, levou medalha de prata e como não houve ouro na categoria, a Baixinha Porreta levou o título de melhor American IPA da América do Sul.

Sobre Cerveja Avós: A cerveja paulista Avós se apresentou ao mercado há pouco mais de um ano, com os dois primeiros rótulos de seu portfólio: uma India Pale Ale, batizada de Vó Maria, a Baixinha Porreta e uma Hoppy Lager que leva o nome de  Maria e o Seu Lado Zen ( premiada com medalha ouro no concurso do Festival Brasileiro da Cerveja 2017, em Blumenau). Alguns meses depois da estreia, a marca anunciou a chegada de mais uma receita, envasada em lata de alumínio, que funde as personalidades dos seus dois primeiros estilos: uma India Pale Lager, batizada de Vó Maria In Concert, ideia nascida do evento promovido pela cerveja Avós que harmonizou jazz e blues com suas cervejas. A  quarta avó que desde fevereiro se juntou à família é a Vó Ana: A Matrona, uma Lager  feita com trigo, adição de semente de coentro e camomila tem visual amarelo palha, espuma branca cremosa, corpo leve, 5,1% de teor alcoólico e uma drinkability convidativa. Recentemente a cerveja Avós lançou sua primeira colaborativa feita em parceria com a cervejaria mineira ZalaZ, uma India Black Lager.Envasada em garrafas de 500ml,a Vó Zazá .As receitas de DNA caseiro são feitas com o mesmo cuidado e alegria dos almoços familiares. Elas proporcionam aos consumidores cervejas que unem frescor e drinkability a homenagens e histórias que remetem aos ancestrais de seu criador, o publicitário e cervejeiro Júnior Bottura. Com alma cigana, no interior de São Paulo, a Avós é fruto da paixão de Júnior pelas panelinhas e uma celebração ao vínculo que teve a sorte de cultivar com todos os suas avós e bisavós. Seus produtos contemplam o paladar de cervejeiros iniciantes e experientes, são companhias de respeito para brindar à vida. A boa aceitação das cervejas da Avós se firmou e hoje  a marca tem seu espaço, a Casa Avós, onde reúne seus produtos, cervejas e chopes para serem levados para casa em growlers ou crowlers.

 

Para quem quer provar as premiadas visite a Casa  Avós na Lapa https://www.botecoecerveja.com.br/2017/01/conhecemos-a-casa-avos-na-vila-ipojuca/

Puggina

Paulistano, atua como Consultor na área de TI e bacharelado em Administração com ênfase em Marketing.