Se tem uma coisa que nos empolga é saber da inauguração de um novo bar. E quando esse bar tem uma quantidade enorme de torneiras de chope? Ótimo, não? E se essa quantidade enorme forem apenas de cervejas artesanais brasileiras? Então me larga que eu to indo pra frente esperar a abertura da casa!

No próximo dia 17 de novembro abre na cidade o São Paulo Tap House, com 40 torneiras de chopes artesanais nacionais. A casa fica na Vila Madalena, com um ambiente arejado com direito a terraço e pé-direito duplo.

As cervejarias selecionadas são a Burgman, Urbana, Schornstein, Júpiter, Way, DUM, Bastards, Morada, Seasons, Rase,Oito, Tupiniquim, Küd, 3 Lobos e Noi. Com preços entre R$ 12 e R$ 25 servidos em copo padrão ou sampler (degustação de 4 rótulos em copos americanos). No site do bar será possível acompanhar a lista de chopes engatados, atualizados diariamente.

Na câmara fria há capacidade para 60 barris de cerveja de 30 litros, com reguladores de pressão individuais com engate direto para as torneiras.

Não só a cerveja é destaque no SPTH, para acompanhar os variados chopes, a casa serve um cardápio com petiscos, sanduíches, saladas e pratos que se destacam também pelo lado artesanal de seus ingredientes. Destaque para as tábuas de queijos e frios, todos produzidos no Brasil, servidas em dois tamanhos (R$ 39 e R$ 69).

SP Tap House

A tábua Iniciantes leva queijos e embutidos suaves, que acompanham pães, azeitonas e caponata; já a tábua Iniciados chega à mesa com queijos e embutidos mais fortes e picantes e os mesmos acompanhamentos. O menu também apresenta diversas opções de porções que podem harmonizar muito bem com os diferentes estilos de chope, entre eles, os Mini bolovos (R$ 28), feitos com ovos de codorna envoltos em massa de linguiça calabresa, o trio de Mini Buraco quente (R$ 24, foto à direita), nos sabores ragu de linguiça, ragu de cogumelos e ragu de carne, e o Frango a passarinho (R$ 28), acompanhado de dois dips à escolha.

Para os almoços de sábado e domingo os pratos são boas pedidas, entre eles alguns com o uso de cerveja em sua preparação, claro. São eles o Tagliolini ao ragu de linguiça blumenau na cerveja stout (R$ 32), a Salada com mix de folhas, que acompanha queijo brie ao molho de cerveja pilsen (R$ 25) e a Costela ao molho Barbecue SPTH (R$ 88), para dividir, que acompanha farofa, batatas rusticas e molho campanha. Outras sugestões são o Picadinho (R$ 38), que acompanha arroz e farofa de banana da terra com cebola roxa e ovo frito e Galinhada (R$ 37), com quiabo grelhado e crisp de couve. Os hambúrgueres também ganham espaço no cardápio, entre eles, o Hambúrguer artesanal (R$ 29) com bacon, tomate e mini rúcula e o Hambúrguer Vegano (R$ 24), de arroz multigrãos e cogumelos com mix de repolho. Entre as sobremesas, Pudim de leite com calda de cerveja red ale (R$ 16), Trio de brigadeiros (R$ 16) – tradicional, capim santo e paçoca – ou Brownie de chocolate com sorvete (R$ 18) fecham a refeição.

Os sócios Marcelo Vodovoz e Eduardo Elói sempre estiveram ligados ao mundo cervejeiro. Ambos já faziam suas próprias cervejas caseiras quando se conheceram no curso técnico em cervejaria no SENAI. Enquanto Elói seguia sua carreira no Direito, Marcelo aprimorava seus estudos trabalhando no Empório Alto de Pinheiros, loja e bar paulistano especializado em cerveja. Vendo a oferta de rótulos nacionais de alta qualidade aumentar rapidamente, Marcelo e Elói enxergaram a oportunidade de um bar 100% dedicado a eles.

Horários de Atendimento:
Terça-feira das 18h à 0h;
Quarta a Sexta das 18h às 1h;
Sábado das 12h à 1h;
Domingo das 12h às 22h;

São Paulo Tap House
Rua Girassol, 340 – Vila Madalena
São Paulo/SP
Telefone: 11 3530-6602
www.spth.com.br

Puggina

Paulistano, atua como Consultor na área de TI e bacharelado em Administração com ênfase em Marketing.