Sabe aquela historia de não levar cerveja artesanal para praia, churrasco e festas da galera por sair muito caro? Esquece.

A linha Martina da cervejaria Blondine apareceu para quebrar essa regra e ser a sua cerveja para essas ocasiões. Ela é chamada de pequena guerreira pois seu intuito é ser um rótulo de ataque, ou seja cerveja com qualidade com preços acessíveis para ser comprada e consumida em grande escala.

Sibele Xerfan, diretora da Blondine e porta voz da linha, nos contou no lançamento que aconteceu no Empório de Pinheiros, que o conceito da cerveja é conquistar novos consumidores, agradar os que já são fãs da marca mostrando que é possível sim produzir uma cerveja artesanal de qualidade com um custo atrativo para ocupar o mercado de cervejas artesanais.

Martina Lager

Lager que segue receita alemã, bem leve refrescante, aroma bem presente de pão e um sutil floral. ela tem ainda 4,5% ABV e 11 IBU (amargor). Eu acredito que qualquer bebedor de mainstream troque sua cerveja por esta lager. Vendidas em nos formatos em garrafa de 300ml e 600ml.

Martina Witbier

Cerveja leve, refrescante, geralmente não é um estilo que me agrada e foi uma grata surpresa pois adorei, me deu uma sensação de que eu poderia tomar litros em volta da piscina. Também tem versões de 300ml e 600ml.

Martina IPA

Essa com certeza é a IPA que vai resolver pelo menos o meu problema nos churrascos, com amargor leve de 30 IBU (amargor) e graduação alcoólica baixo é uma cerveja bem equilibrada e com boa drinkability. Vendidas nos formatos em garrafa de 300ml e 600ml.

A Martina já pode ser encontrada nos pontos de vendas como mercados, empórios e lugares especializados em cervejas artesanais nos três estilos – Lager, Witbier e IPA – o preço da Martina varia de R$ 5,95 a R$ 11,90, dependendo do estilo e embalagem, e em apenas 45 dias – período do soft launch – foram vendidas 60 mil garrafas em todo Brasil, demonstrando o potencial sucesso do produto.

Jana Portela

Paulistana, atua na área de Comunicação Visual e formada em Publicidade e Propaganda.