Fomos convidados a conhecer a fábrica da Brasil Kirin em Itú/SP. No tour acompanhamos uma palestra onde foi explicado como tudo iniciou-se, desde a chegada da família Schincariol vinda da Itália em 1939, fabricando licores, vinhos e refrigerantes no quintal.

Tour Brasil Kirin

O ano de 1966 fica marcado pela construção da fábrica em Itú e a fabricação de seu refrigerante. O primeiro rótulo alcoólico (Pilsen Schincariol) só é produzido em 1989.

Tour Brasil Kirin

A campanha Experimenta! em 2003 para o relançamento da cerveja Schin teve bastante sucesso virando inclusive case de estudo nas faculdades.

A partir de 2007 a empresa compra a cervejaria Baden Baden de Campos do Jordão, com cervejas diferenciadas, voltadas para harmonizações. E também a cervejaria Devassa do Rio de Janeiro. No caso da Devassa a empresa decidiu utilizar a marca para a produção de alguns rótulos mainstream (produção em larga escala) e manteve os 5 rótulos especiais: Loura, Ruiva, Negra, Sarará e Índia.

Tour Brasil Kirin

Em 2008 volta às compras e dessa vez adquiri a cervejaria Eisenbahn de Blumenau/SC. Tanto a Baden Baden quanto a  Eisenbahn são umas das cervejarias brasileiras mais premiadas no exterior. A Baden Baden tem por volta de 16 medalhas e a Eisenbahn 54 medalhas.

Tour Brasil Kirin

Em 2011 começa uma das maiores mudanças. Os executivos da holding japonesa Kirin vem até o Brasil conhecer as instalações da Schincariol. Ficam encantados e fazem uma oferta. Em 2012 o negócio é concretizado e a Schincariol torna-se Brasil Kirin.

A Kirin é representada por um ideograma que formam 4 elementos essenciais da vida: água, terra, fogo e ar. No Brasil ganhou mais 2 “gotas” (uma verde e a outra amarela) para representar nosso país. O ideograma em si significa a fonte da vida (água).

A Brasil Kirin atualmente conta com 13 fábricas no Brasil em 11 estados, 20 CDAs (centro de distribuição avançado) e está presente em 600 mil pontos de venda (metade de todos os pontos de venda do país). Produz cerca de 5,5 bilhões de litros por ano nas 13 unidades. O nordeste é o maior consumidor da cerveja Schin e o sul das cervejas especiais.

A empresa ainda está envolvida com patrocínio de uma equipe de vôlei masculino de Campinas e uma equipe de futsal em Sorocaba (onde o jogador Falcão atua). Além de contar com um teatro dentro do Shopping Iguatemi de Campinas e o kartódromo Arena Brasil Kirin em Itú. E a partir desse ano estará presente como apoiadora e cerveja oficial da Oktoberfest de Blumenau/SC.

Após a palestra caminhamos pela fábrica para conhecermos todo o processo da produção das cervejas (e refrigerantes) do portfólio Brasil Kirin. Impressiona pela modernidade e higiene dos locais. Essa parte do tour não é permitido registrar com fotos ou filmagem.

Ao sair do setor de produção conhecemos a Toca do Tatu, onde pudemos degustar a cerveja na pressão diretamente dos tanques. Bem refrescante! E ainda experimentamos alguns outros rótulos da Brasil Kirin.

Tour Brasil Kirin

Tour Brasil Kirin

Tour Brasil Kirin

Tour Brasil Kirin

Tour Brasil Kirin

Tour Brasil Kirin

Tour Brasil Kirin

Tour Brasil Kirin

Tour Brasil Kirin

E no final do tour fizemos compras na lojinha oficial da Brasil Kirin, que conta com uma infinidade de produtos da empresa.

Tour Brasil Kirin brasil_kirin(31)

O tour foi muito legal e teve duração em torno de 3 horas. Para participar, basta acessar o site da Brasil Kirin (www.brasilkirin.com.br/tour-brasil-kirin) e agendar seu tour.

Tour Brasil Kirin

Tour Brasil Kirin

Tour Brasil Kirin
www.brasilkirin.com.br/tour-brasil-kirin

Puggina

Paulistano, atua como Consultor na área de TI e bacharelado em Administração com ênfase em Marketing.