Fomos conhecer a micro cervejaria Theodora que apesar de existir há pouco tempo (desde maio de  2013) merece destaque por sua qualidade na produção das suas cervejas.

theodora18

A casa de esquina que nos lembra um galpão, com os tonéis expostos e decoração rústica nos agradou logo de cara. E a proposta é semelhante à famosa Cervejaria Nacional de São Paulo.

theodora08

Pudemos bater um papo com o mestre cervejeiro Tarsis Patini  (foto) e um dos donos Maurício Moraes, que nos contaram desde a fabricação das cervejas, que seguem a escola belga e inglesa, até das  as curiosidades das opções dos cardápio

theodora09

Mauricio Moraes foi dono do restaurante Terra de Santa Cruz, dentro do Mercadão de São Paulo durante 15 anos e trouxe toda sua experiência para a cervejaria que era seu sonho antigo. Provamos alguns dos petiscos da casa, que tem como carro chefe o Carré de Cordeiro servido com  chimichurri, e o Steak de Cordeiro. O cordeiro é criado por um dos sócios em Botucatu assegurando que a carne servida seja de qualidade. Mas se o cordeiro não te agrada não faz mal, pois as opções são intermináveis, eles também tem burgues, escondidinhos, peixes, além de porções de petiscos para harmonizar com cada estilo de cerveja.

theodora19

A Cervejaria tem fabricação de 2 mil litros por mês dos estilos Pilsen, IPA, Schwarzbier e Witbier. Todas cervejas, assim como a cervejaria (Theodora quer dizer presente de Deus) levam nomes de Deusas Gregas. A liberdade na criação das cervejas é o ponto forte da Theodora, que em breve terá mais novidades.

Tessália, a Pilsen da casa – excelente, agradou muito.

theodora11

Lys  é a Witbier – malte, flocos de trigo e aveia, semente de coentro e casca de limão siciliano. A adição de raspas da casca de limão siciliano no lugar da laranja que é usada normalmente deu um toque especial deixando a cerveja muito mais leve e refrescante. Foi a nossa preferida e vale a pena experimentar. A cerveja é usada em um dos drinks da casa que é a caipirinha

Cervejaria Theodora - Hera.

Hera é a IPA – tem o  amargor mais intenso e coloração âmbar. Apesar o estilo e do teor alcoólico mais elevado (6,8%). Acreditamos que agrada até mesmo quem não está acostumado com o estilo.

theodora05

Thera, a Schwarzbier – Cerveja preta com toque de café e grãos torrados,  possui um amargor equilibrado e um final  seco. Mais uma cerveja com boa drinkability.

theodora03

Para o inverno a novidade será a Bock, ainda sem nome, que provamos e gostamos.

theodora07

Na parte de petiscos, nos deliciamos com o Croquete de Cordeiro. O mais saboroso que já comemos.

theodora04

Pra acompanhar a Tessália petiscamos uma Polenta Frita muito bem feita e coberta por queijo.

theodora06

O Bolinho de Mortadela, estava bem sequinho e saboroso.

theodora12

Já o Bolinho de Arroz faz o estilo bolinho da vovó.

theodora14

A cervejaria Theodora pretende comercializar suas cervejas também em garra e provavelmente como cerveja viva. Estão apenas na dependência da regularização no M.A.P.A. (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, que regula o comércio de cervejas no país).

theodora05

Santo André ganhou uma belíssima opção e uma cervejaria que vai contribuir muito com a cultura cervejeira na cidade. E tem tudo pra atingir proporções ainda maiores.  O consumidor cervejeiro agradece!

theodora16 

Cervejaria Theodora
Rua Guilherme Marconi, 211 – Vila Assunção
Santo André/SP
Fone: 11 2598-444
www.facebook.com/pages/CervejariaTheodora

Jana Portela

Paulistana e vegetariana, formada em Publicidade e Propaganda na busca constante das melhores cervejas.