A  americana Goose Island nascida em 1988 em Chicago e  controlada pela  AB InBev desde 2011 chegou a São Paulo no finalzinho de dezembro de 2016. Fomos conhecer a imponente cervejaria que fica em pinheiros próximo ao Largo da Batata quando ainda estavam funcionando em soft opening.

Com mais de 450m² e capacidade para 140 pessoas, a casa fica em um sobrado de dois andares e chama atenção pela fachada rústica com tijolos aparentes, um visual industrial e moderno, além de um Rooftop a céu aberto. Ao entrar, é possível acompanhar o processo de fabricação das cervejas onde os tanques e tinas de aço inoxidável, com capacidade para 15.000 litros mensais, vão produzir cinco opções diferentes de chopes frescos, além de opções sazonais, colaborativas e convidadas, e um Cold Brew Coffee produzido com um blend de café personalizado e exclusivo da Brewhouse, totalizando 15 rótulos disponibilizados em 30 torneiras.

Entre os rótulos fixos oferecidos estão a 4 Star Pils que chama atenção com sua leveza refrescante; a Green Line, de amargor agradável e cítrico; a equilibrada Honkers, com sabor maltado; a dourada 312 Urban Wheat, e a Goose IPA para os amantes de uma cerveja com alta concentração de lúpulo. A premiada Sofie, do estilo Belgian Style Farmhouse seca, ácida e efervescente, também estará disponível em garrafas no Barrel Room – espaço dedicado ao envelhecimento das bebidas em barris de madeira.  Os chopes são disponibilizados em formato Pint, Half-Pint e Fly, uma régua de degustação, além da linha Sour Sisters – Lolita, Juliet, Gillian, Madame Rose, Halia – oferecidas em garrafas de 750 ml.

O cardápio também merece atenção especial. Como entrada, a sugestão são os Mini Rib Buns, sandubas de costelinhas de porco assados lentamente em forno a carvão com molho barbecue de mosto cervejeiro. Entre os pratos principais, o destaque fica com o The Duck Burger, burger de magret de pato com cebolas caramelizada na cerveja Honkers, queijo gruyere e maionese defumada, servido em um pão de brioche e o The Dry Aged Steak grelhado na brasa com manteiga com flor de sal e cebolas assadas. Para os vegetarianos, uma das opções é o Fire roasted gnocchis, nhoques de mandioquinhas e creme de queijo artesanal gratinados no forno a carvão.

O mestre-cervejeiro à frente da casa é Guilherme Hoffmann, que passou dois meses em treinamento na sede da Goose Island em Chicago, e será responsável pela criação e elaboração das receitas locais. “Produzir uma cerveja é contar uma história e fazer as pessoas sentirem o que nós sentimos. Queremos passar nossa essência com ousadia e originalidade”, conta. A equipe é composta por “conselheiros” que estão a postos para sugerir sabores, aromas e harmonizações em todos os ambientes da Brewhouse. “Todos que fazem parte desse projeto dividem a mesma paixão por cerveja. Somos conselheiros porque queremos trazer as pessoas para o nosso mundo”, explica Hoffmann.

Não sei se será só no período de inauguração (espero que não) mas o atendimento foi impecável como há muito tempo eu não via em bares aqui da cidade.

Goose Island Brewhouse
Rua Baltazar Carrasco, 191 – Pinheiros
Tel: 2886-9858
Horário de funcionamento:
Terça a Sexta: 18h às 1h
Sábado: 12h à 1h
Domingo: 12h às 22h
www.gooseisland.com/brewhouse-saopaulo

 

Paulistana, atua na área de Comunicação Visual e formada em Publicidade e Propaganda.